sábado, 12 de novembro de 2011

Borboletas no jardim...


Recebi um poema. Enquanto o lia, também observava as lindas borboletas que voavam pelo jardim...e pensando na generosa missão delas, de espalhar flores pelo mundo, decidi compartilhar este lindo poema com voces...Talvez, há algum tempo atrás, eu ficasse com ele guardadinho só para mim, mas  hoje as pessoas estão mais abertas à fazerem questionamentos quanto às suas verdadeiras crenças. Eu nasci  meio à uma família extremamente religiosa. Eu fui daquelas católicas (quando criança) que seguiam procissão, beijavam os pés de Cristo (imagem), etc. Depois minha mãe conheceu uma Filosofia de Vida Oriental e partiu para ela. Foi onde eu cresci e tudo que acredito hoje vem desta Filosofia. Mas, hoje, as religiões viraram verdadeiros centros de arrecadações de dinheiro. E o problema é que, onde é o dinheiro que manda, dificilmente a verdadeira Espiritualidade poderá intervir. Cria-se uma barreira invisível, uma energia que, por mais que as pessoas tenham fé, a Espiritualidade fica impossibilitada de ajudar. 


Há a passagem onde Cristo, chegando em frente a um templo, encontrou um verdadeiro comércio de quinquilharias, onde a verdadeira finalidade era ganhar dinheiro e não o encontro com a Espiritualidade. O que ele fez? pôs todo mundo pra correr. Aliás, acho que é a única passagem onde mostram ou falam de um Cristo extremamente severo e não condescendente.  Hoje não acredito mais em religiões ou organizações. Acredito sim, nas palavras de Grandes Mestres que vieram para nos trazer uma consciência maior do que é a verdadeira Espiritualidade. E depois que fiz isso, consegui colocar muito mais em prática esses ensinamentos maravilhosos. Longe da ganância, da arrogância e da loucura pela disputa de poder que existe dentro das religiões, eu me encontrei mais verdadeiramente com a Espiritualidade e esta fez mais sentido em minha vida. Muito mais. 



Eu não tenho religião, mas tenho os meus Mestres. E procuro segui-los. Uma vez, um dos Orientadores desta filosofia que eu seguia disse umas palavras para mim e meu marido que não esqueci. Ele nos disse que por mais  dificuldades que enfrentássemos , nós conseguiríamos superá-las, só por um motivo: porque éramos bons alunos e praticávamos  os ensinamentos. E não há quem não consiga uma vida melhor se ele procura, com disciplina, praticar aquilo em que acredita. Eu acredito no Amor incondicional, na Sabedoria que permeia o Universo, através de Leis,  e nas Energias positivas que podemos atrair para ter uma vida melhor. Acredito mesmo, de todo meu coração.


 Então, não é preciso ninguém ficar com aquele sentimento: "porque fulano consegue e eu não?..." Basta que ele se conscientize e pratique mesmo aquilo que Cristo ensinou, Buda, Kardec, Chico Xavier, Masaharu Taniguchi (meu  Mestre)  e tantos outros maravilhosos e grandiosos Mestres que passaram pelo planeta, e entre eles, muitos Filósofos, Artistas, Escritores e Poetas. Podem estar certos. 
Antes do poema, leiam este emocionante depoimento:

 "Recentemente, a mídia nos informou de um lamentável episódio envolvendo os jogadores de certo time de futebol e uma Instituição  que cuida de pacientes com paralisia cerebral. Os jogadores iriam fazer uma doação de ovos de Páscoa; contudo, ao serem informados  de que se tratava de uma Instituição espírita, recuaram em seu gesto, alegando serem de outra religião. 

Quando recebí esta notícia (e foi por e mail de um amigo), fiquei chocada! Que vergonha! A isso dou aquele nome que as religiões gostam de usar: pecado!!! Que subversão/deturpação do significado da palavra Religião ( re ligare, unir de novo o homem a Deus), seja ela qual for! Quando os homens colocam seus pontos de vista, seus parcos/pobres entendimentos do que alardeiam ser a Verdade, acontecem tais aberrações, abjetos paradoxos! Não me lembro de nenhum deus que os homens escolhem seguir que preconize tal gesto de anti fraternidade! E se tal existe, é fruto de uma mente humana que renegou sua própria origem e criação. Até quando os homens justificarão suas vís tendências, seus podres e mesquinhos desejos em nome de uma religião? Até quando separar-se-á, mutilar-se-á, envilecer-se-á, bestializar-se-á o filho de um Deus que acreditamos perfeito? Até quando as religiões separarão os "filhos de Deus"? "Isto é uma vergonha", um non sense, um aviltamento de qualquer dignidade humana… isso sim é o tal do pecado! 
São tais episódios que fazem com que a cada dia as pessoas mais se afastem das religiões e se acerquem de uma autêntica relação com o Deus de seus entendimentos. De um Deus que não segrega, nem pune; de um Deus que não se encontra em templos, de um Deus que é encontrado a todo instante na Natureza e no corpo do homem, na vastidão incógnita do Universo, nas Leis compreensíveis e não entendidas, na fagulha de Amor que se convencionou chamar Vida…"
                                             (Alpha Lena - Blog Refúgio)

Gostaria que ficasse bem claro que não sou contra nenhuma religião. Apenas este post serve pra que possamos fazer uma profunda reflexão e até mesmo para que, dentro de nossas próprias religiões, possamos colocar mais  em prática ainda  o que ela realmente ensina. Sempre digo que "cada pé tem o sapatinho que lhe serve" e é graças às religiões que penso o que penso hoje.
E preciso falar que no Espiritismo foi o único lugar que conheci e frequentei onde NUNCA me pediram dinheiro. Isto eu precisava falar. Eles pedem alimentos, mas é incrível, dinheiro, NUNCA.  Eu não sou Espírita, embora tenha um enorme sentimento de gratidão por ele, e este casa muito com tudo o que penso da Vida.  Por isso não é defender, e sim, constatar.

Poema para reflexão...

A religião não é apenas uma, são centenas.
A espiritualidade é apenas uma.
A religião é para os que dormem.
A espiritualidade é para os que estão despertos.

A religião é para aqueles que necessitam de alguém que lhes digam o que fazer e querem ser guiados.
A espiritualidade é para os que prestam atenção à sua Voz interior.
A religião tem um conjunto de regras dogmáticas.
A espiritualidade te convida a raciocinar sobre tudo, a questionar tudo.


A religião ameaça e amedronta.
A espiritualidade lhe dá paz interior.
A religião fala de pecado e culpa.
A espiritualidade lhe diz: "aprenda com o erro".


A religião reprime tudo, te faz falso.
A espiritualidade transcende tudo, te faz verdadeiro!
A religião não é Deus.
A espiritualidade é Tudo, portanto, é Deus.


A religião inventa.
A espiritualidade descobre.
A religião não indaga nem questiona.
A espiritualidade questiona tudo.


A religião é humana, é uma organização com regras.
A espiritualidade é Divina, sem regras.
A religião é causa de divisões.
A espiritualidade é causa de União.


A religião lhe busca para que acredite.
A espiritualidade, VOCÊ TEM QUE BUSCÁ-LA (que lindo isso! - Liz)
A religião segue os preceitos de um livro sagrado.
A espiritualidade busca o sagrado EM TODOS OS LIVROS. (isto também, lindo! - Liz)


A religião se alimenta do medo.
A espiritualidade se alimenta da Confiança e da Fé.
A religião faz viver no pensamento.
A espiritualidade faz viver na Consciência.


A religião se ocupa com fazer.
A espiritualidade se ocupa com o Ser.
A religião alimenta o ego.
A espiritualidade nos faz Transcender.


A religião nos faz renunciar ao mundo.
A espiritualidade nos faz viver em Deus, não renunciar a Ele.
A religião é adoração.
A espiritualidade é Meditação.


A religião sonha com a glória e com o paraíso.
A espiritualidade nos faz viver a glória e o paraíso aqui e agora.
A religião vive no passado e no futuro.
A espiritualidade vive no presente.


A religião enclausura nossa memória.
A espiritualidade liberta nossa Consciência.
A religião crê na vida eterna.
A espiritualidade nos faz consciente da vida eterna.


A religião promete para depois da morte.
A espiritualidade é encontrar Deus em Nosso Interior, durante a vida aqui, agora...

Beijos e boa reflexão...não com a razão...mas, com a alma...com o coração...
Poema recebido por email, com Autor desconhecido
Imagens: Eletric Voltage


35 comentários:

lenalima disse...

Esse asunto é muito interessante,todo ser vivente deveria ler e refletir, mas infelizmente muitas pessoas torcem o nariz e não querem nem ouvir falar em espiritualidade,usam uma viseira e não se dão chance.
adorei essa postagem.

um dia cheio de luz amiga!
abraços!!!

✿ chica disse...

O tema espiritualidade e religião é sempre interessante...

Espiritualidade é muito maior do que a religião.

Temos que nos embrenhar por ela, ler, ler e ainda ler. Depois, praticar, praticar...

Lindo poema, belíssimas reflexões e tua introdução.

beijos,chica e um lindo fds!

Mãe Terra, Estamos Aqui... disse...

OLÁ MINHA LINDA FLOR DE LIZ, MARAVILINDO POST AMIGA, ESSE POEMA EU JÁ CONHECIA E VENERAVA CADA PALAVRA, POIS NOS LIBERTA DOS TAPA OLHO, TANTO É QUE COLOQUEI NO MEU ORKUT NO PERFIL...
LINDAS PALAVRAS AMIGA, ENSINANDO À NÓS, BUSCAR PELO NOSSO POTINHO DE OURO (SABEDORIA), QUEM BUSCA ALCANÇA, NÃO PRECISA DESEJAR O DO VIZINHO NÉ AMIGA...
LINDOOOOOO, LINDOOOOOOO, D++++++++...
PARABÉNS IRMÃ...

Roberta Maia disse...

Olá Liz!

Amiga adorei tudo que foi escrito, pois acredito e vivo isso!

"...Acredito sim, nas palavras de Grandes Mestres que vieram para nos trazer uma consciência maior do que é a verdadeira Espiritualidade..."

Bravoooooooo...

Querida Amiga, sou dessa forma!!
Que os Grandes Mestres de Luz Ilumine, sempre, seu caminho!
Paz e Luz!!

Beth/Lilás disse...

Bom Dia, amiguinha!
É isso, isso, isso!
Sempre achei como você, Não à Religião e Sim à Espiritualidade, aos bons ensinamentos dos mestres.
Devemos seguir os passos que eles nos mostram, sem dogmas, templos, riquezas. Deus está nos jardins, nos parques, na natureza e é dela que retiramos nossa energia, por isso tão bom passear, sair de casa, ver o mundo, interagir com as belezas que Deus nos deu. Isso nos enche de boas energias para dividirmos com aqueles que precisam.
Tenha um lindo fim de semana e muitos beijinhos cariocas.

Luna Sanchez disse...

Eu gostei muito da reflexão e essa segregação me incomoda em qualquer assunto, acho que sempre perdemos com isso.

Post incrível, esclarecedor e um convite ao pensar e ao sentir.

Um beijo, querida Liz.

Toninhobira disse...

Uma pagina carregada de belas reflexões amiga.As borboletas me levam ao sentimento de liberdade. As lembranças de uma infancia vivida numa cidadezinha do interior,numa epoca da força do cristianismo, o resto era da turma de Jeová, como o homem do saco que a direita atribuia aos comunistas,rsrs.Sim como voce já chorei atras de uma procissão, queimando as mãos com um toco de vela.Mas o dinheiro este vil metal, entrou forte pelas instituições e passou a direcionar os rumos e deturpação da verdade, o que se vê envergonha e o pior que as pessoas mais humildes são as mais exploradas. Com relação aos jogadores e a decepção, se refere aos jovens talentosos jogadores do Santos,que mal orientados falharam nesta ação.
E por fim o texto para reflexão é muito bom neste perfeito paralelo.
Um show sua postagem amiga.
Desejo um lindo domingo a voce e familia,com paz e alegrias.
Meu abraço terno de admiração.
Bju.

pensandoemfamilia disse...

olá
Vc abordou pontos essências do momento atual em relação as religiões e respectivas instituições. A busca da espiritualidade nem sempre é alcançada, pois exige interioriação, auto consciência e viver o que se pensa e muita fé.
Muitos mantêm-se nos dogmas sem uma vivência compatível do amor ao próximo. È tudo muito paradoxal.
Como sempre arrosou com seu post, em imagem e conteúdo.
Bom final de semana.
bjs

Celina Dutra disse...

Lizete minha querida,

Está explicado porque desde o primeiro encontro, tão recente, já nos identificamos e nos amamos! Temos objetivos comuns voltados para o SER!
Maravilhoso post! Lúcido!Sincero!Suas reflexões, o texto transcrito que traz notícia triste de ignorância, o poema! E mais as ilustrações belas.
Vou deixar o link nos meus girassóis diários. Vou enviar o link a um amigo querido, penso que ele também vai gostar.
Grande menina linda e iluminada, tudo que faz é intensamente espiritualizado e belo. Obrigada por me fazer companhia. É um grande presente da vida.
Girassóis nos seus dias. Beijos

Sandra Mitsue disse...

Liz...
Cada vez que venho aqui fico mais fascinada pelos seus post....simplesmente maravilhoso, magnifico...Linda as imagens...O fundo musical traz uma serenidade pra quem te visita....PARABÉNS!Eu também acredito no Amor incondicional, na Sabedoria que permeia o Universo, através de Leis, e nas Energias positivas que podemos atrair para ter uma vida melhor.

Um Ótimo Domingo pra vc!
Beijos!
San....

Sheila - Blog "Passarinhos no Telhado" disse...

Acho que a religião tem o seu papel dentro da sociedade. A encaro como um caminho, uma forma de conexão com algo maior... um degrau. Mas sinceramente, não acho que aquele que tem uma religião é menos evoluído do que aquele que se considera um espiritualista...não é isso que quero dizer. Acho que evolução é uma questão de qualidade de energia...é transbordar de AMOR! E isso independe de religiosidade, filosofia, teorias ou qualquer outra coisa! Acho que nosso objetivo neste planeta é esse...trabalhar o amor por nós e em nós. É tornar-se AMOR...e isso independe do caminho...o caminho é só “um meio” e o que menos importa...
Beijos minha flor! Ah...mandei um email pra vc! Viu?

Amara disse...

Liz,lindo texto belo poema.
Eu também adorei essa parte,

A religião lhe busca para que acredite.
A espiritualidade, VOCÊ TEM QUE BUSCÁ-LA
A religião segue os preceitos de um livro sagrado.
A espiritualidade busca o sagrado EM TODOS OS LIVROS.
Uma ótima semana.
Carinhosamente
Bjss
Amara

Lilá(s) disse...

Grata pela partilha e pelo texto, faço muitas vezes as minhas reflexões com a alma, com o coração...
Obrigada
Beijinhos

Menina no Sotão disse...

Então minha cara, eu não acredito em religião (você sabe). Não dou a mínima para aquilo que considero como sendo uma grande bobagem. A palavra religião já diz tudo pra mim "me ligar a algo". É a necessidade do homem. A sua limitação. Nada se conquista sozinho, ele sempre credito o próprio passo ao outro e sua culpa também.
Enfim, claro que isso sou eu, mas estava lendo algo pela manhã que me fez lembrar de você.
Daria um belo discurso (ou discussão) http://revistaepoca.globo.com/Sociedade/noticia/2011/11/dura-vida-dos-ateus-em-um-brasil-cada-vez-mais-evangelico.html

Afinal, as pessoas só precisam entender que cada um tem o seu caminho e é preciso respeitar o passo do outro. Coisa pouco comum nos dias de hoje.

bacio

Arianne Carla disse...

Intenso... Do início ao fim. Uma ótima tarde.

manuela barroso disse...

Cada passo que dou a caminho daqui, vem cheio de curiosidade por novos detalhes.
Mas, querida Liz...desta vez fui apanhada em cheio!
Devo dizer que cada vez me surpreendo mais com pessoas incríveis que encontro por aqui. Como se nos conhecessemos algures, tais são algumas afinidades que nos ligam.
E com a Liz, acontece isso também.
Já deu para entender que o meu forte é viver esta vida Agora( conhece "O Poder do Agora" de E. Tolle?), com a paz que cada minuto me concede porque não sei viver no ruído.Gosto da meditação, ouvindo o meu Eu interior, e deixo o Ego para quem se quiser expôr...
Gosto de encontrar a Paz no meu Silêncio interior, onde, em cada visita, encontro sempre motivos para alimentar mais o meu dia com o Deus que encontro nos pequenos nadas da vida...
E tanto, minha querida amiga, tanto que teríamos para dizer!
Só quero dizer que amei este post. Que vou "levar" estes versos que não são anónimos...mas foram escritos anonimamente...
E deixo-lhe um grande abraço de Paz e muita admiração!
Muito Obrigada Liz!
Boa semana!

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Liz querida,

Em primeiro lugar quero agradecer muito sua presença em meu espaço, tenha certeza absoluta que nada é por acaso.
Esta mensagem que postei falando sobre o portal 11:11, no final eu comentei que tinha recebido da minha sobrinha "via email".
Ela se chama Roberta também, e este poema que você postou sobre "Religião e Espiritualidade", eu postei há uns meses atrás, recebido por "email" dela também.
Muito interessante não?
O Universo tem muitas formas de se manifestar.....

Estava visitando seu espaço e me encantei!!!!
Estava lendo seu texto, e posso te dizer que compartilhamos do mesmo pensamento.
Eu também fui criada no meio familiar católico: fui batizada, fiz primeira comunhão, e estava sempre em Aparecida do Norte para pagar as promessas da família.
Só depois dos 15 anos quando minha mãe faleceu, é que fui tendo minha independência espiritual.
Conheci o Espiritismo, que me fez expandir a mente e conhecer novos assuntos, além do conforto espiritual que me deu.
Sou muito grata ao Espiritismo, mas eu ansiava por mais, e também como você, procurei conhecer um pouquinho de cada doutrinas, filosofias, etc......e fui pegando o que realmente fazia parte da minha essência.
Hoje percebo que não tenho necessidade de seguir determinada religião, pois reconheci o poder que existe em mim, e de toda a divindade que existe em tudo e todos.
Acredito muito nas Leis do Universo, e como você, aprendi e continuo aprendendo muito através das mensagens deixadas por grandes Mestres que passaram em nosso planeta, e também de grandes irmãos possuidores de uma grande sensibilidade e Luz (como Gasparetto, Zíbia, Cristina Cairo, etc....).
E gosto muito de terapias alternativas para equilibrar minha energia, da minha família e da minha casa......quando sinto que a energia não está muito boa, já tomo um banho de ervas, floral, incensos, velas, e de vez em quando gosto muito de tomar uns passes no centro espírita para manter a aura e o espírito sempre protegido e equilibrado.
Pois quando estamos bem, tudo na vida flui de forma perfeita e harmonica.

Puxa vida, já falei demais....rsrsrss
Se deixar não paro....
Gostei muito de te conhecer, e que esta amizade seja muito abençoada para que possamos compartilhar de momentos de Luz, fé e Amor.
Serás sempre bem vinda em meu espaço, que na verdade é seu....um grande beijo em seu coração!!!

Mãe Terra, Estamos Aqui... disse...

Num post tão maravilhoso e importante, quero dizer novamente que e reafirmar o quanto seriamos pessoas mais Feliz e Realizada se vivêssemos essa espiritualidade, se nascemos todos no mesmo planeta e somos parecidos, com braços pernas e cabeça, somos irmãos, ai vem uma religião e fala para você que os de fora não são filhos de Deus, e quem erra ai, é quem fala ou quem acredita???
Quem acredita...
Beijos amiga....

maria neusa guadalupe disse...

Liz: concordo com quase tudo..sou espiritualista tb,sempre procurando aprender com os grandes avatares.Mas penso que algumas pessoas só têm um caminho para o bem e o amor ao próximo : a religião.E se essa não exlui com preconceitos mas busca nosso Deus interior,é também um caminho.Vou copiar o poema,com sua permissão.Beijos reflexivos.

Rosane Castilhos disse...

OI MINHA AMIGA QUERIDA!!!!
TODAS SUAS POSTAGENS SÃO LINDAS, MAS POSSO FALAR?
ESTA É MARAVILHOSA, MAIS DEMAIS, CAIU COMO UMA LUVA PARA MIM, ME FEZ REFLETIR SOBRE ESPIRITUALIDADE, SOBRE FÉ, AMOR, BONDADE...
OBRIGADA POR COMPARTILHAR ESTAS MARAVILHAS COM A GENTE!
FOI UMA BELA ORAÇÃO QUE VI POR AQUI.
BEIJINHO E UME RESTINHO DE SEMANA ABENÇOADA!

Mãe Terra, Estamos Aqui... disse...

Pensa que não notei, notei sim,você foi borboletar por ai né amiga...
Cheirou bastante flores, hahaha...
sabia...
bem vinda amiga...

Eloah disse...

Querida, que presente especial recebestes juntamente com este e-mail.A voz do coração e da alma têm ressonâncias além da razão e nos guiam para um mundo bem melhor.Saio daqui sempre bem mais serena e carregando a esperança que teima em me deixar,renovada.
Obrigada por estes instantes de luz!
Bjs no coração.Eloah

pensandoemfamilia disse...

Oi Lizete querida
Retorno para agradeçer seus comentários no meus espaço, vas contribui acrescentando sua postura diante de tudo.
Sera um prazer sentarmos e conversarmos, penso que teremos muito para trocar sobre nossa existência e reflexões.
Quem sabe, combinamos um encontro.
bjs

obs, em relação ao post Gesto da terra, o autor é Rubem Braga, entendo sua troca, pois o estilo é prórpio do nosso querido Rubem Alves. (pode deletar esta observação.

Noel disse...

Nossa religião é amar o próximo, é dividir nossas cestas, é compartilhar o nosso Deus interior.Adoramos a refelxão.
HO!HO!HO!SOMOS NOÉIS

Fê-blue bird disse...

Mina querida amiga:

Acredite que até hoje nunca tinha encontrado algo que me desse esta paz que encontro nas suas palavras e na sua espiritualidade.

Acredito profundamente na bondade e na dádiva do bem, mas também não encontro nas religiões as respostas às minhas perguntas.

Ainda bem que a amiga encontrou o seu caminho através da espiritualidade e que passe para nós esta sua sabedoria.

Absorvo sempre cada palavra sua.


beijinhos comovidos

Ana Rita Profirio disse...

Primoroso texto! Para altas reflexões.
Não devemos nos prender a opnião das pessoas.Devemos viver nossas vidas de acordo com as luzes que nos chegam de Deus.As pessoas julgam o lado exterior.O íntimo só Deus conhece.
Adoro visitar você! Beijos!!

ONG ALERTA disse...

Espiritualidade é para poucos...uma troca de energia!!
Beijo Lisette.

BlueShell disse...

A tolerãncia é esquecida: há quem se julgue detentor de toda a VERDADE!
MUITO BOM este post e as fotos...maravilhosas.
NHos

Débora disse...

Oi Liz! Chegando por aqui agora e já gostei demais desta postagem.
Religiosidade, assunto que fala de alma, coração, Deus, tudo o que é mais sagrado...Fé.
Vi seu comentário do Blog da Rosane, e me identifiquei com você quando falou sobre sua fobia por bonecas, estátuas, imagens...eu também tenho, não entendo o porque, depois podemos falar sobre o assunto.
Bjo no coração!
Débora

Roberta Maia disse...

Olá Liz, minha irmã querida!!
Olha eu novamente aqui,risos!!

Vim desejar um Fim de Semana Maravilhoso!!
Paz e Luz!!!

Amapola disse...

Boa noite, querida amiga Liz.

Adorei!!

Me identifiquei muito com a sua trajetória religiosa.
Amei...

Tenha um lindo fim de semana.

Beijos.

Sandra Mitsue disse...

Oi Liz...
Passando só para desejar um Ótimo Domingo pra vc!
E receber essa energia linda que vc transmite!
Beijos!
San...

Roberta Maia disse...

Olá minha irmã querida, Liz!!

P,s: Hoje é Aniversário do Blog Luz, 1 Ano, venha comemorar comigo!!

Beijinhos Iluminados!!
Muita Luz!!

Meire Oliveira disse...

Querida Liz, eu sou daquela que acha que o essencial quando falamos de religião é o respeito, cada pessoa tem sua própria verdade, portanto não existem verdades absolutas e sim a verdade de cada um. Muito bom o post e bom tbm saber mais de vc e te gostar ainda mais :)

bjokitas com super carinho.

Rozani disse...

Bom, eu concordo plenamente com vc! É assim que eu penso sobre religião.
Vou acrescentar e pode ser duro... mais eu acho que pra mim ñ precisava existir religião.Virou uma banalização absurda!Ás pessoas só pensam em dinheiro.E sempre vem na minha cabeça exatamente essa imagem de Cristo furioso com as pessoas vendendo, fazendo comércio em frente a um templo sagrado.Vc falou tudo o que eu penso.
Nossa afinidade é muito boa. Vc ñ acha? Deve ser alguma coisa espiritual.
Bjs,Rozani
Vou para o próximo.