segunda-feira, 20 de junho de 2011

É...a Blogosfera não é fácil, não...!!!

Quando comecei a montar este blog, a minha única intenção era, realmente, deixar uma lembrança para os meus descendentes. Vocês não gostariam de conhecer melhor seus avós, bisavós e até tataravós? pois é, era isto que eu tinha em mente. Um dia, eles saberiam quem eu fui, como eu pensava, poderia estar ali, ao vivo, falando com eles, saberiam que músicas eu gostava de ouvir, o que eu gostava de comer...coisas deste tipo...de alguma forma, estaria ao lado deles, e quem sabe, até ajudando?!! Isto me incentivou muito a começar um blog. Depois, alguns familiares foram lendo, parentes, amigos, e comentaram que eu deveria abrir publicamente. E eu o fiz.
Uma amiga virtual, a Beth, do Mãe Gaia, me enviou um email interessante, onde ela dizia que eu iria mesmo encontrar muita coisa estranha nesse mundo da Blogosfera. Resolvi pagar pra ver.
E, em dois meses de blog, algumas coisas estranhas já estão me acontecendo...
Recebo algus emails muito bonitos, de elogio. Mas também recebi emails terríveis, que até pensei em parar. Não sou uma pessoa que gosto de me expôr muito, sabe! Você já viu aquelas festas ou reuniões de pessoas onde tem aquelas peças raras que querem mesmo aparecer, andam de uma lado para o outro, sem parar, falam alto, riem alto, e querem mesmo chamar a atenção? pois é, eu sempre fui ao contrário. Ia a muitas festas quando meus filhos eram menores, pois sempre tinha algum amiguinho fazendo aniversário ou algo assim. E como tenho 3 filhos, vcs já imaginaram o que eu tinha de festas para ir, né? mas sempre era assim, sentava no meu canto com meu marido, vinham alguns amigos que conhecíamos e ficávamos ali, numa mesa, sentados, batendo papo, discretamente. Sempre fui assim. E na minha vida, tb sou assim, muito discreta.
Ao abrir publicamente meu blog, senti a necessidade de não me esconder. Por isso, às vezes, coloco fotos minhas e até da minha família. Para que vcs possam me conhecer, serem mais próximos e sentirem que eu escrevo com sinceridade. Como já disse no meu perfil, não gosto de falsidade e hipocrisia. Sou muito sincera e sempre digo o que penso, se é algo negativo, primeiro para a pessoa, para depois comentar com alguém, se comentar.
E receber emails com ofensas, realmente, me pegou. Mas uma coisa pior aconteceu. Eu escrevi um texto com o título "Às meninas de 13 a 17 anos",lembram-se? e, através da pesquisa do Google, alguém estava procurando algo pelo título "meninas de 13 a 17 anos que querem dar gostoso...". Essa frase fez com que, certamente, aparecesse no buscador o meu blog com a referida matéria sobre as meninas de 13 a 17 anos. Pois é, e recebi um email...dá medo!...
Realmente tem gente de todo tipo, não é mesmo?!...
E eu vou falar pra vcs, eu entrei bem devagar nesse mundo da internet. Não tenho pressa de crescer, não me importo muito de não ter ainda muitos comentários...acho que é por causa daquilo que já falei, que no fundo, a minha intenção era deixar para os meus descentes o que eu penso...então, não fico me descabelando por aí, correndo e entrando em blogs para aumentar a minha audiência e divulgação do blog. Todos os blogs que eu linkei aqui são pq eu amei, achei interessante, e queria divulgar o trabalho deles. Não consigo entrar nos blogs e deixar mensagens falsas como: "amei seu blog, visite o meu!". Pq não é sincero.
Mas tb, estudando a blogosfera, no site Ferramentas , linkado aqui, ele dá um curso para quem quer crescer e aparecer na internet, mas ele diz que é um trabalho árduo, vc tem que visitar muita gente, divulgar muito o seu blog, participar muito de redes sociais, grupos da internet ( e eu não sou muito de ficar batendo papo nem por telefone, quem dirá, computador...se depender disso, não vou crescer...) e o pior, ele fala dos "troll". Você sabe o que é isso?
Descobri agora. São pessoas que vão seguir ou perseguir vc, por inveja ou maldade, te detonando e ao se blog, por pura diversão (doença)...jura que eu vou ter que passar por isso????...

Outra coisa que eu já passei também é por causa do uso de imagens. Recebi um email pedindo que que eu tomasse providências urgente, pois ela era a dona do desenho. Ela foi educada, tudo bem. Ms quando entrei no seu blog para me explicar, já tinham vários comentários chamando quem faz isto de ladrão, pilantra, e daí por diante. E eu, como não sabia direito como funcionava, pegava as imagens e colocava lá, sem dar créditos. Na pura ignorância mesmo. Por isso, não me sinto pilantra nem ladrona. Só não sabia como funcionava. Podem ver que de um tempo pra cá sempre coloco de onde é a imagem. Já fazia isto antes dela me contactar, pois li tb no blog Ferramentas o perigo de se usar imagens sem dar créditos.
Então, já passei por alguns fatos que me deixaram triste, preocupada, e vi que "brincar de fazer Blog" é coisa pra gente grande. Criança tem que arranjar outra brincadeira...
É sério, gente. É difícil o mundo da Blogosfera...se vc entrar, entre com consciência, estude para entender como funciona e não se dar mal, pra depois não ficar triste e desiludido e se prepare, psicologicamente, para os psicopatas e outras estranhezas (existe esta palavra?)...

Pois é...estou a pensar...

5 comentários:

Beth/Lilás disse...

Poxa, Lizete, que coisa triste!
Realmente eu te falei que sempre aparecem uns 'espíritos de porco', como já dizia minha mãe, mas com o tempo somem como fantasmas que são, vão de vez para onde deveriam nunca ter saído.
Vou te enviar um email para falar melhor deste assunto, ok.
Enquanto isso, não fica triste não, continue seu trabalho que é muito lindo e delicado.
beijinhos cariocas

Alexandre Mauj Imamura (lostinjapan.tk) disse...

eu passei por isso (e ainda passo, mtas vezes).
Trolls, gente que xinga, que ofende, etc.
Mas quer saber? é sinal q vc tá fazendo sucesso rs. só incomoda quem tá na moda rs.

deixa esse povo que fala besteira falar sozinho. e não ligue, siga em frente. uma hora eles cansam e somem, os amigos, as pessoas que valem a pena ficam e continuam em seu blog.

boa semana!

Kika Diniz disse...

Oi Liz, sabe eu tbm sou nova na blogosfera, e ainda não tive essa experiencia, mas não costumo me magoar ou importar com ofensas de pessoas que não tenho vinculo emocional, e tbm penso que quanto mais audiência tiver a "tal pessoa", mais ela vai querer incomodar!
Então querida, delete e não se importe, pois quem gosta de vc vai estar sempre aqui e quando ela perceber que "ninguém tá nem aí", ela some!
Bjks e ótimo fim de semana!

Menina no Sotão disse...

Eu sempre digo que tenho medo de gente, por tudo que você falou nesse post. Eu fico no meu canto, gosto de escrever e faço isso porque a pele me pede. Não sei fazer barulho, sei ficar em silêncio...
Você me fez refletir no porque eu escrevo em blogs e faço isso há tempos. Já tive vários. Já apaguei vários porque já fui detonada na internet quando meu contador de visitar atingiu a marca de cinquenta mil visitantes e eu não sabia porque tanta gente estava lá no meu sótão. Ainda hoje não sei. Não me ocupo de dizer isso ou aquilo e só leio o que gosto, e claro, só comento se de fato me chamar a atenção.
Redes sociais? Falta-me paciência. Não sou diferente para agradar, não mesmo, sou diferente apenas porque não sei ser igual e nem quero aprender. rs

bacio

jeito simples disse...

É Lizete, estou assustada com tudo isso. Mas prefiro ainda crer na beleza do ser humano acima de tudo. Pessoas que se dispõe a ofender outras por e-mails são mo mínimo pequenas. Você certamente é maior que tudo isso e tem a motivação correta para seguir em frente.
Estou contigo.
Bjos